Assista nossos Programas

terça-feira, 5 de maio de 2015

ADYLSON GODOY SE APRESENTA COM FAMÍLIA EM HOMENAGEM AOS 50 ANOS DE CARREIRA

O Maestro Adylson Godoy que este ano etá completando 50 anos de carreira, vai realizar um show imperdível no SESC VILA MARIANA. Intitulado "Vida e Arte", o show traz sucessos autorais do compositor, acompanhados pela Camerata Erudsom composta de 16 músicos.
A surpresa desse show único será a participação da família Godoy no palco. O Maestro Amilson Godoy, o pianista Amilton Godoy e a cantora Adriana Godoy farão participação especial, marcando a data comemorativa e surpreendendo o público com o grande talento musical familiar que é uma das características da dinastia dos Godoy.



Conheça mais sobre o artista:

Maestro Adylson Godoy foi Diretor Musical dos programas “Fino da Bossa”, “Corte Rayol Show” e “Programa Hebe Camargo”. Comandou o programa “Boa Tarde Cartaz”, na TV Excelsior.

Fez os arranjos do disco, “Dois na Bossa Volume Dois”, de Elis Regina e Jair Rodrigues, entre outros tendo inúmeras composições gravadas por estes dois ícones brasileiros.

Obteve dezessete prêmios em Festivais (FIC Maracanãzinho, TV Excelsior, TV Record). Encerrou suas participações em Festivais após obter primeiro lugar no Festival Mundial da Venezuela, “Onda Nueva”, em 1972 com a música “Heróica” tocada por Zimbo Trio, interpretada por Sílvia Maria com arranjo do maestro Ciro Pereira. Vinte e seis países concorreram, bem como músicos de alta importância como Astor Piazzola e Dave Grusin. O júri era composto por nomes internacionais como Franc Purcel, Elmer Bernestain e Charlie Bird.

De 1998 a 2003 apresentou e dirigiu o “Programa Adylson Godoy - Vida e Arte” na Redevida de Televisão apresentando compositores, intérpretes e instrumentistas da música brasileira, levando mais de 200 artistas em rede nacional.

Possui mais de 250 músicas gravadas por nomes como Elizete Cardoso, Taiguara, Rosa Maria, Alaíde Costa, Silvia Maria, Maria Odete, Claudya, Walter Wanderley, Zimbo Trio, Elis Regina, Jair Rodrigues, Agnaldo Raiol, Márcia, Ronie Von, Leni Groves, Joe Pass, Nicolletta e Clara Nunes que se lançou em São Paulo no festival de TV Excelcior em 1966 com a música "Perdão".

No direito autoral, foi fundador do ECAD e na qualidade de Presidente da SICAM – Sociedade Independente de Compositores e Autores Musicais, liderou e venceu a luta contra a estatização dos direitos autorais no Brasil na época da ditadura. De 1996 a 2008 assumiu a Presidência da ASSIM – Associação de Intérpretes e Músicos (fundada por Elis Regina). Atualmente ocupa o cargo de Conselheiro na Ordem dos Músicos do Brasil em São Paulo e no Distrito Federal.

Atualmente desenvolve um projeto na área erudita com composições sinfônicas, com o objetivo de estabelecer uma ponte musical entre o erudito e o popular, notadamente com sua rapsódia escrita com 4 movimentos para piano e orquestra apresentada pela 1ª vez no memorial da América Latina com a Jazz Sinfônica Jovem regida pelo Maestro Roberto Sion e no mesmo local com a banda sinfônica jovem regida pela Maestrina Mônica Giardini.

Nesse espetáculo dia 15/05 - 21 horas - no Sesc Vila Mariana em São Paulo, todo esse segmento sinfônico e litero-musical, estará sendo apresentado com o seu grupo musical "Camerata Erudsom, que será regida pelo Maestro Amilson Godoy, com participação especial do pianista Amilton Godoy e da sua filha Adriana Godoy.

Site: www.adylsongodoy.com.br
Facebook: maestroadylsongodoy